domingo, 23 de novembro de 2008

Bis?






Minha Terra

Nada em você soa mais
Nada em você, não mais me desperta
Suas palavras são um profundo vazio
Prefiro a Lua, os Lobos, meu eterno frio.
Aquele Sol não me conforta...


Minha terra não possui uma rainha
Fora nomeada Liberdade
Dou voltas e mais voltas
Mas, na minha terra
Não existe saudade

Velhas memórias...
Memórias não me fazem chorar
Aquelas vivem em velhas gavetas
Memórias que irei condenar
.
Minha terra fechou seus portões
Escritos, pedidos [perdidos], lembranças...
Lá não se ouvem velhas canções.

Hoje minha terra te condena
Com rancor, com frieza e serena
Sem amizade, sem acordos nem pena.

4 comentários:

' נємίммα мєиdσиçα ' disse...

Oiii Khaos meu amiigo!
quanto tempo! ;)
saudade de tii já!

Eii, tem MEME pra ti lá no meu blog
dá uma passadiinha lá depois! ;)
Beeeijo ;*

.::Morphina::. disse...

nhuun..meu tomate gostosinho,como está? xD
é..pelo que vejo sua mente tá um caos
mas vc ainda tem e sempre terá minha amizade
saudades de ti

;*

Mah (Mayra Lobão) disse...

Oi!
Eu sou a Mayra, trabalho na área de marketing da boo-box.

Estava visitando alguns blogs da comunidade Escritores Anônimos, e encontrei o seu...ele me chamou muito a atenção.
Tenho uma proposta a te fazer. Você pode me enviar seu e-mail? Meu e-mail é mayra@boo-box.com
Aguardo contato :)

Escrito pela saudade... disse...

É... saiu da terra... foi pro espaço...

gostei... varias oticas!