sábado, 3 de outubro de 2009

"Madallenna"




Todos os seus sonhos, parecem inalcançáveis a cada manhã. Esperando na encruzilhada, caindo por terra e assistindo o Sol pondo-se ao longe. Ele viu as sete maravilhas, velejou pelos sete mares, caminou e falou com anjos. Em seu quarto não há sombras na parede, a luz não pode entrar porque ele fechou as janelas... Mas, na parede há um retrato de uma mulher, cujo amor ele confiou em suas mãos. Uma vela acesa, queimando até o final do mesmo jeito que todas as suas vontades. Os dias de ontem tornaram-se amontoados de que seus sonhos são feitos.
É uma noite fria lá fora, e o brilho da lua ilumina o caminho por onde quer que ele vá. "O silêncio da noite é a melhor canção que se pode ouvir, quando estamos separados." Agora, um pouco longe de casa, mas nunca tão cansado deste lugar, sentindo falta do seu bom... Bom amor, e do seu doce abraço. É tudo que ele precisa. As criaturas da noite sabem bem, se ele fosse um rei, tesouros e riquezas não significariam nada se apenas ele tivesse o seu coração. De novo. Talvez fosse bom, bom demais para ela.
Em uma pedra, tão dura quanto seu coração e tão pesada quanto seus ombros cansados, ele decide repousar. A neve está congelando seu rosto, e ele não pode sentir mais suas mãos. Queria poder escrever um último verso de perdão, ainda que ela não acreditasse em suas palavras. Mas essas são suas últimas linhas, o momento em que os pesadelos vem à tona. A vida é apenas um longo e triste jogo. Ele jogou e perdeu. "Bebo o veneno mais sujo... Tão quanto você". Não sorria assim tão vagarosamente, porque ele está definhando, seu corpo caindo e o velho coração nunca mais pulsará da mesma forma. "Tantas coisas aconteceram, tantas pessoas passaram, mas você será a última coisa que verei." No fim da noite, ele transcenderá e todas as velas se apagarão.


"Adeus, amor."

6 comentários:

Jessica disse...

FODA! Como sempre,aliás!
Gostei muito desse trecho:
""O silêncio da noite é a melhor canção que se pode ouvir, quando estamos separados." "

Blog disse...

"Tantas coisas aconteceram, tantas pessoas passaram, mas você será a última coisa que verei."

Sem mais!

Saumensch disse...

Liiiiindo demais!

Adorei a sua visita! Já estava fazendo falta!

Amei o texto, está muito bom, totalmente cativante.

Beijos, boa semana pra ti!

Wilsão Campos disse...

Belo texto. Bacana o blog. Parabéns!
http://rocknavitrola.blogspot.com/

Deh ramos disse...

"O silêncio da noite é a melhor canção que se pode ouvir, quando estamos separados."

que lindo.. tava com saudades de vir aqui no teu recanto *-*'

depois passa lá no meu e me deixa um recadinho?? :*

N a n y disse...

Como fazer para ficar perto quando está longe?